Ata da assembleia/comando 10.7.14 + calendário 14.7 – 27.7

Ata_AssembleiaGeralEstudantesUSP_20140710 em pdf

Calendário greve 2014 4

Ata da Assembleia geral dos estudantes da USP de 10 /07

 

Deliberações:

  • Próxima assembleia geral de estudantes para o dia 7 de agosto às 18h na História/Geografia;
  • Indicar assembleias de curso para 05 de agosto;
  • Realizar após a assembleia um comando de mobilização para encaminhar as lutas.

 

Ata do comando de mobilização da assembleia geral dos estudantes

 

Foram dados informes sobre: (quem puder, complemente este parte)

  • A situação do Hideki na prisão. Foi informado que a ultima carta escrita por ele foi impedida de sair da penitenciária (o que vinha sendo feito através de seu irmão).
  • A reunião o fórum dos processados. Processo teve nova movimentação jurídica.
  • O encontro dos cursinho populares, realizado no NCN. Há a iniciativa de articular os cursinhos.
  • A plenária das universidades estaduais paulista. As deliberações divulgadas por e-mail seguem ao final. A próxima plenária ficou marcada para os dias 9 e 10 de agosto.
  • A negociação com o CRUESP. A comissão tirada pelo comando de greve foi atropelada pelo DCE e não participou da negociação, sob a alegação de que o CRUESP havia convocado o Fórum das 6 e por isso os representantes dos estudantes (que só poderiam ser 2) tinham que ser do DCE. A negociação não contou com a presença do reitor da USP (Zago) que mandou seu vice (Vahan). Nada foi apresentado sobre a pauta unificada, apenas questões específicas, o que fez com que a negociação continuasse nos mesmos marcos de intransigência do CRUESP.
  • A mobilização dos funcionários. O corte de verbas tem atingido os terceirizados e causados a demissão de parcela deles. Na segunda-feira haverá ato em defesa deles logo após a assembleia do SINTUSP.
  • O CRUSP. A gestão da AMORCRUSP tem feito a campanha contra a repressão e fará cine debate com este tema, dando ênfase nas prisões do dia 23 de junho. A data ainda será marcada e provavelmente será na quarta-feira (16/07) e no domingo (20/07).
  • O Comitê Estadual de Luta contra a Repressão. Fará reunião amanhã (sexta – 11/07 às 19h30 no IA da UNESP, na Barra-Funda). Também realizará plenária no dia 17/07 às 19h na praça Roosevelt.

 

Deliberações:

  • Ato/vigília na audiência dos processados da reintegração de posse da Moradia Retomada. Levar tal proposta ao comando de greve dos funcionários para ser incorporada pelo seu calendário de luta.

Calendário:

  • Segunda-feira (14/07): incorporação ao ato do SINTUSP às 13h contra a demissão de trabalhadores terceirizados e em defesa da efetivação de todos os terceirizados sem a necessidade de concurso.
  • Terça-feira (15/07): incorporação ao ato/debate sobre as prisões às 14h na Faculdade de Direito (São Francisco);
  • Quarta-feira (16/07): provável data do cine/debate contra as prisões do dia 23 às 18h no CRUSP (na Ágora ou na sala 51).
  • Quinta-feira (17/07): plenária do Comitê Estadual de Luta contra a Repressão às 19h na Praça Roosevelt;
  • Sexta-feira (18/07): gt do CAF às 16h no espaço verde;
  • Segunda-feira(21/07): oficina de kraft para ato e campanha em defesa dos processados da Moradia Retomada às 18h na AMORCRUSP;
  • Quarta-feira(23/07): ato/vigília às 12h na frente do fórum da audiência do processo da moradia [fórum de pinheiros];
  • Quinta-feira (24/07): próxima reunião do comando de mobilização às 18h na História/Geografia.

 

Anexo I

Deliberações da plenária das universidades estaduais

 

RESOLUÇÕES DA PLENÁRIA:

 

EIXOS UNIFICADOS ESTUDANTIL

– Eixos prioritários e unificadores para o movimento estudantil das três

estaduais:

– Programa de cotas raciais e sociais já (de acordo com as reivindicações

dos coletivos negros);

– Programa de permanência estudantil (de acordo com as reinvindicações dos

fóruns e entidades das moradias estudantis);

– Fim dos processos contra estudantes e trabalhadorxs. Readmissão do

trabalhador Brandão do SINTUSP demitido por motivos políticos. Liberdade

imediata para Fábio Hideki;

– Contra a precarização e cortes de gastos. Solução da crise da EACH (de

acordo com as reivindicações das assembleias e fóruns de estudantes da USP

leste), e dos problemas estruturais de Limeira e Piracicaba da Unicamp e

os campi experimentais da UNESP (também de acordo com as reivindicações

dos fóruns de base destes campis);

 

ARTICULAÇÃO DO M.E.

-Articulação do movimento estudantil das três estaduais:

– Para fortalecer a unidade estadual de estudantes, construir e socializar

o acúmulo de debate sobre nossas pautas, a partir da base mobilizada e

independentemente das burocracias: construir um Encontro Estudantil das 3

Estaduais no final de semana do dia 9 e 10 de agosto, na USP (caso não

role, será na UNICAMP), por delegação de entidades de base (1 por

entidade) referendadas em fóruns de base, em agosto, a ser organizado por

uma comissão;

Comissão responsável: Zapata (MAR), João (FILOUSP), Nelson (LETRASUSP),

Daniel (UNICAMP), Daniel (MAR), Giovana (MAR), Dimas (Assis), Amara

(Rosana), Guilherme (Araraquara), Bruno (Franca), Hugo (GEOUSP), Bruno e

Cazuza (Ourinhos);

– GTs de debate sobre eixos:

– Indicar a criação de GTs sobre os eixos unificados da greve nos cursos e

unidades, para proporcionar um acúmulo de debates e formulações para o

próximo Encontro;

 

CAMPI EXPERIMENTAL

Sistematizar as demandas das unidades experimentais num único bloco para

que elas possam ser expressivas entre as pautas da greve. A partir da

organização de espaços onde os experimentais possam efetivamente discutir

suas demandas, vinculadas às discussões que ocorrem na CEM: realização de

fóruns e semanas de formação política dos discentes juntos a categoria

trabalhadora;

Comissão dos campi experimentais: Ivan (Marilia); Amara (Rosana); Thaís

(Rio preto); Chorão (Rosana); Cazuza (Ourinhos); Alice (Ourinhos); Mike

(USP)

 

CAMPANHA UNIFICADA CONTRA REPRESSÃO

– Criar comitê estadual para tocar uma campanha contra a criminalização da

luta e a violência policial, e fortalecer campanhas contra a repressão já

em curso. Pontos levantados: solidariedade ao companheiro Hideki, 42 da

categoria metroviárixs demitidxs, todxs os presxs políticxs, xs

processadxs das estaduais paulistas, as reintegrações de posse (Araraquara

e Rio Claro) e o assassinato da atriz Lua de Presidente Prudente. Criar

material visual, canal de comunicação online, atividades presenciais

(primeira atividade proposta: debate com metroviário demitido, indicar a

construção dum ato em agosto descentralizado) e de acordo com a

possibilidade atos. Campanha visual em defesa de Fábio Hideki,

metroviárixs demitidxs e contra a PM: produção de canal online; produção

de lambe, estêncil pichações nos campi e nas cidades. Que essa campanha

seja levada para todos cursos e que sejam impulsionados a partir deles;

Responsáveis por campis: Vania (mus usp), Diego (mar), Breno (mar),

Guilherme (arar), Natália (Rio Preto), Talita (Rio Preto), Giovana (mar),

Daniel (unicamp), Alexandre (Mar), geografia usp, letras usp, história

usp, filosofia usp, rio claro;

 

CORTE DE PONTO

Em caso de corte de ponto, fortalecer campanha financeira de

solidariedade e campanha política em defesa da legitimidade da greve;

ATOS CONTRA A PRIVATIZAÇÃO E A REPRESSÃO

Dias estaduais de atos descentralizados contra a privatização/repressão!

Indicativo de data 27 e 13;